terça-feira, 6 de outubro de 2009

Totõe Rodovalho


Sr. Totõe Rodovalho (o de óculos), pai de Jurandir Rodovalho, avô da Karla do Boticário. Ele era funcionário da Justiça e como em sua época não havia o Conselho Tutelar e nem Juizado da Infância e Juventude, ele fazia as vezes. Recordo-me que quando o filme exibido no Cine Teatro Real era impróprio para menores de 14 ou 18 anos, ele ficava na portaria junto com o "Lú", que era quem recebia os ingressos, justamente para impedir que crianças entrassem no cinema. Era irredutível. Hoje, até bebê de colo entra em filme pornográfico. Mas naquela época...
Ao lado dele é Dr. Jamil, delegado de polícia em Catalão

Nenhum comentário:

Postar um comentário