quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Em viirtude dos fatos acima...

...no dia 14 de novembro de 1929 o Presidente do Estado de Goyas Sr. Alfredo Lopes de Moraes, baixou o decreto de nº 10.553 determinando, nos termos do artigo 115 da Constituição Política do Estado que o juiz de direito de Santa Rita do Paranayba, Dr. Clóvis Roberto Esselin fosse transferido para Catalão a fim de promover a devida apuração dos fatos com a consequente formação de culpa e pronúncia dos criminosos, com recurso necessário para o Superioor Tribunal de Justiça. Determinou, também, que o Promotor Público da Comarca de Rio das Pedra, Dr. Nicanor Faria e Silva, acompanhasse o juiz Dr. Clóvis durante as apurações dos acontecimentos. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário