quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Cine Guarani

Fotografia de fins da década de 1940 e que mostra alguns elementos muito interessantes. O local é a Av. 20 de Agosto, em frente ao Cine Guarani (atrás dos personagens). O cartaz exposto anuncia o filme "Ninguém vive para sempre", um suspense policial estrelado por John Garfield e Geraldine Fitzgerald. O filme é uma produção de 1946. O prédio do Cine Guarani ficava em um nível bem mais elevado que a rua e pode-se observar que a parede está toda rabiscada com nomes (Yolanda é um deles) e vária palavras. A senhorita do meio é Hornézia Coelho a qual acredito ser irmã dos professores Brás Coelho e Geraldo Coelho Vaz. As outras garotas me parecem ser as irmãs Lúcia a Maria Antonieta Bretas Netto, filhas de Cyro Netto e Aída. Os meninos, também, filhos de Cyro e Aída são o hoje advogado João Enéas e o cardiologista, especialista em marca passo, Dr. Renato. De acordo com o professor Gustavo Coelho, que enviou-me esta fotografia, aquele que a tirou foi seu pai Sebastião Coelho. Hoje, onde funcionou o Cine Guarani, está instalado o Sindicato dos Metalúrgicos de Catalão.

John Garfield e Geraldine Fitzgerald, os astros do filme cujo cartaz aparece na fotografia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário