quarta-feira, 9 de março de 2011

José Rocha

As eleições municipais de 1976 foram marcadas por uma disputa das mais acirradas para o cargo de prefeito. Pelo MDB candidatou-se Mauro Netto e pela ARENA (partido que apoiava o governo militar) foram 3 os candidato: José Evangelista da Rocha (Divano Elias), Antônio Chaud (Carlos Goulart) e Ovídio Rodrigues de Paula (José Francisco), se a memória não me falha. Pelo sistema eleitoral da época, no caso de haver 3 candidatos de um mesmo partido, se a soma dos votos dos 3 fosse maior que os votos do único candidato do MDB, seria eleito quem tivesse mais votos entre os 3 do mesmo partido. E assim aconteceu e José Evangelista da Rocha e Divano Elias foram eleitos prefeito e vice respectivamente. A diferença dos votos dos 3 candidatos da ARENA e os votos do candidato do MDB não foi maior do que 200 votos. Nessa época, a apuração das urnas ocorreu no antigo prédio do Banco do Brasil, hoje Caixa Econômica. A fotografia acima é do futuro prefeito José Evangelista da Rocha, posando num dia qualquer da década de 1940.

Um comentário:

  1. Sylvim, salvo engano, naquelas eleições os candidatos da ARENA foram (1) José Rocha/Divano Elias; (2) Prof. Chaud/Carlinhos Goulart; e (3) Ovídio R. Paula/José Francisco Cândido.

    O Waldivino Duarte foi candidato a prefeito em 1982, tendo por vice o empresário Arachid Damião.

    Também em 1982, Ovídio R. de Paula voltaria a se candidatar, mas dessa vez com vice, na chapa com João Moreira de Castro, candidato a prefeito. Nesse pleito, elegeram-se Haley Margon/João Netto

    ResponderExcluir