quarta-feira, 19 de maio de 2010

Eleições 1988

As eleições municipais não só em Catalão, mas em qualquer município, tem lá suas peculiaridades, suas estórias, seus personagens e o folclore que se constrói em torno deles. Algumas servem de modelo, de exemplo para ser ou não seguido em relação ao planejamento, às estratégias. Nesse sentido, Catalão, em 1988, testemunhou uma das mais emblemáticas eleições municipais de sua história. O PMDB que durante o mandato tampão de 6 anos (1983 a 1988) esteve no comando do executivo municipal, tinha tudo para eleger o sucessor de Haley MArgon. Todavia, um "racha" nas fileiras peemedebistas, repercutiria não só no resultado da votação para prefeito, como até hoje seus ecos ainda são ouvidos. A ala dissidente do partido, liderada por Mauro Netto com o aval de João Netto de Campos, aninhou-se em outra agremiação e lançou chapa própria para concorrer ao pleito daquele ano. Surpreendentemente, Aguinaldo Mesquita e Maria da Glória sairiam vencedores naquela ocasião, contrariando quase todas as perspectivas. Foram candidatos a Prefeito e Vice respectivamente: PMDB - Mauro Faiad e Toninho da Caixego; PFL - Aguinaldo Mesquita e Maria da Glória; PL - MAuro Netto e Dr. Abadio; PT - João Enéas e Toquinho. A seguir, algumas peças do material da campanha de Mauro Netto e Dr. Abadio.

Nenhum comentário:

Postar um comentário